Banner 468x60
Banner 180x60
Bom dia.
Segunda-Feira, 18 de Junho de 2018.
 
E-mail:  Senha:

 

 
Nome

E-mail


 
Saiba como anunciar na Revista e no Site CONCERTO.
   


Vitrine Musical 2016 - Clique aqui e veja detalhes dos anunciantes

 

 
 
Roberto Minczuk deixa direção do Municipal do Rio a pedido da Fundação OSB (18/4/2011)

Segundo nota do Teatro Municipal do Rio de Janeiro, o maestro Roberto Minczuk pediu hoje, segunda-feira, exoneração do cargo de Diretor Artístico do Teatro. A saída foi decidida após uma reunião com o Conselho da Orquestra Sinfônica Brasileira, ocorrida nesta manhã da segunda-feira. Ainda segundo a nota, o Conselho da OSB formalizou ao maestro o desejo de tê-lo integralmente dedicado à restruturação por que passa a orquestra e pediu seu desligamento do Teatro Municipal. Frente às circunstâncias, a presidente da Fundação Teatro Municipal, Carla Camurati, aceitou o pedido de Roberto Minczuk. O regente titular da Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal (OSTM), maestro Sílvio Viegas, passa a responder interinamente pela direção artística da casa.

A saída de Minczuk do Municipal foi uma das resoluções apresentadas pela OSB após a reunião desta manhã de segunda-feira. [Leia abaixo resoluções do conselho da Fosb]

Segundo Déborah Cheyne, presidente do sindicato dos músicos, a reunião do conselho aconteceu sem a participação do representante dos instrumentistas, e afirmou ter ficado surpresa com as decisões da Fosb. Os músicos irão se reunir na manhã desta terça-feira para avaliar a posição da Fosb.


Nota da Fundação OSB

 

Reiterando o compromisso da Fundação OSB de elevar o padrão de excelência da Orquestra Sinfônica Brasileira e considerando a necessidade de se retomar rapidamente as atividades da orquestra, o conselho da FOSB decidiu por unanimidade, após avaliar os resultados das últimas reuniões e das propostas apresentadas nas diversas rodadas de negociação:


1)       Ratificar a proposta de readmissão dos músicos afastados, convertendo as justas causas em suspensão de 2 dias. O retorno imediato às funções regulares fica condicionado à realização da avaliação de desempenho, agendada para junho, nos moldes sugeridos pelos próprios músicos na reunião do dia 8 de abril, entre representantes dos músicos e do Conselho. As avaliações serão adaptadas para um formato de música de câmara, em que os músicos formarão seus próprios conjuntos e escolherão peças de uma lista de compositores do clássico ao contemporâneo, fornecida pelo maestro. Eles apresentarão dois movimentos contrastantes para uma banca composta pelo maestro, o chefe de naipe e três convidados externos escolhidos pelo maestro e referendados pelo Conselho.


2)      Reabrir o prazo para sugestões dos músicos ao novo regimento interno, que, após as devidas considerações, será submetido à aprovação do Conselho. A adesão permanece facultativa.


3)      Criar um comitê artístico, de caráter consultivo e de aconselhamento, que terá como objetivo auxiliar a direção artística na retomada da temporada 2011 e na indicação de propostas para a temporada 2012. O comitê será composto por: a) um musico externo, indicado pelo corpo orquestral; b) um profissional de produção artística, indicado pelo Conselho; e c) um profissional do meio acadêmico/musicólogo, indicado pelo Conselho.


4)      Solicitar ao maestro e diretor artístico Roberto Minczuk seu desligamento da direção artística do Theatro Municipal, para que possa se dedicar, com exclusividade no Rio de Janeiro, à retomada da Temporada 2011 da OSB.


5)      Dar continuidade às atividades regulares da OSB Jovem, que estarão concentradas neste primeiro semestre nos Concertos da Juventude.


6)      O prazo estabelecido para que os músicos possam ser reintegrados o mais rápido possível às suas atividades é dia 25 de abril.


7)    O Conselho espera receber comentários sobre o novo regimento interno e indicação do músico externo que fará parte do comitê artístico até 10 de maio.

 

A Fundação Orquestra Sinfônica Brasileira acredita que, oferecendo todas as possibilidades acima mencionadas, apresenta uma solução real para todo o ocorrido e abre suas portas para o retorno dos músicos que desejarem participar dessa nova fase da OSB. É importante deixar claro que a Instituição é maior que todos e o Conselho tem por missão garantir o melhor para sua perenidade e seu constante crescimento.

 

Fundação Orquestra Sinfônica Brasileira



Mais Notícias

Theatro São Pedro apresenta “Alcina” de Händel com direção de Luis Otavio Santos (15/6/2018)
Após manifestação de ministro, governo estuda compensação para a cultura (14/6/2018)
Festival de Londrina tem inscrições abertas (14/6/2018)
Projeto celebra legado do maestro e compositor Cyro Pereira (14/6/2018)
Quarteto da Cidade toca Beethoven (13/6/2018)
Sala Cecilia Meireles abre espaço para a ópera contemporânea (13/6/2018)
Regente francês Louis Langrée, diretor da Sinfônica de Cincinnati, rege a Osesp (12/6/2018)
Theatro Municipal encena ópera “O cavaleiro da rosa”, de R. Strauss (11/6/2018)
Instituto Baccarelli em dose dupla (8/6/2018)
Música no Museu tem a voz como foco em junho no Rio (8/6/2018)
Les Violons du Roy e soprano Julia Lezhneva fazem homenagem a Händel (8/6/2018)
Festival de Campos do Jordão fará 90 apresentações em julho (7/6/2018)
Orquestra Jovem do Estado toca e grava a "Sinfonia nº 5" de Mahler (7/6/2018)
Sinfônica da USP recebe jovem violoncelista para interpretar Shostakovich (6/6/2018)
Instituto Fukuda promove nova versão do musical “Os saltimbancos” (6/6/2018)
Camerata Sesi recebe Edilson Venturelli (6/6/2018)
Filarmônica de Minas Gerais recebe maestro polonês Michal Nesterowicz (5/6/2018)
Pianistas movimentam agenda da Sala Cecília Meireles (5/6/2018)
Pianista britânico Steven Osborne abre o mês da Osesp (5/6/2018)
Magdalena Kozená cancela vinda ao Brasil; concerto do grupo Les Violons du Roy terá participação da soprano Julia Lezhneva (4/6/2018)
Daniel Ciobanu relê russos na Fundação Maria Luisa e Oscar Americano (4/6/2018)
Música regional é tema em Sergipe (1/6/2018)
Sinfônica Heliópolis toca Tchaikovsky no Municipal de São Paulo (1/6/2018)
Programa Clássicos da TV Cultura homenageia Copa do Mundo (30/5/2018)
Paulo Porto Alegre comemora 65 anos na Sala do Conservatório (29/5/2018)
Academia de Ópera do Theatro São Pedro homenageia Bernstein, Bizet, Donizetti e Rossini (25/5/2018)
Bachakademie de Stuttgart toca Bach no Rio de Janeiro (25/5/2018)
Coral Paulistano canta no Theatro Municipal e no Mosteiro de São Bento (25/5/2018)
Festival Amazonas estreia ópera de João Guilherme Ripper (25/5/2018)
 
Ver todas as notícias anteriores
 
<< voltar

 


< Mês Anterior Junho 2018 Próximo Mês >
D S T Q Q S S
27 28 29 30 31 1 2
3 4 5 6 7 8 9
10 11 12 13 14 15 16
17 18 19 20 21 22 23
24 25 26 27 28 29 30
 

 
São Paulo:

18/6/2018 - Caio Guimarães e Lucas Nogara - pianos

Rio de Janeiro:
19/6/2018 - Maur Trio

Outras Cidades:
19/6/2018 - Recife, PE - Orquestra Sinfônica de Recife
 




Clássicos Editorial Ltda. © 2018 - Todos os direitos reservados.

Rua João Álvares Soares, 1404
CEP 04609-003 – São Paulo, SP
Tel. (11) 3539-0045 – Fax (11) 3539-0046