Bachiana Filarmônica toca na Sala São Paulo

por Redação CONCERTO 11/03/2009

Criada e dirigida por João Carlos Martins, a Orquestra Bachiana Filarmônica dá início a sua temporada 2009 hoje à noite, em concerto na Sala São Paulo. Dividida em duas partes, a apresentação terá, no início, a Sinfonia nº 3, “Eroica”, de Beethoven, regida por Martins. Na segunda parte, João Carlos Martins abandona o posto de regente e assume o de solista. Sob regência de Laércio Diniz, a Bachiana Filarmônica acompanha o pianista – que sofre de sérias lesões nas mãos e enfrentou diversas cirurgias – no segundo movimento do Concerto nº 21 de Mozart e do Concerto nº 2 de Rachmaninov, além de num trecho das Variações sobre um tema de Paganini, também de Rachmaninov. A noite se encerra com Cine paradiso, popular trilha de Enio Morricone para filme homônimo.

A trajetória de João Carlos Martins também será abordada hoje à noite pela TV Cultura. Às 21h40, o programa “Metrópolis” fará entradas ao vivo direto do concerto da Sala São Paulo. Em seguida, a emissora apresenta uma edição inédita do programa “Provocações”, no qual Antonio Abujamra entrevista o pianista e mostra trechos de sua carreira. Para fechar a programação, a série “Noites Clássicas” exibe, a partir da 00h10, o concerto da Bachiana Filarmônica na íntegra, gravado horas antes na Sala São Paulo.

Serviço:
Orquestra Bachiana Filarmônica
Regentes: João Carlos Martins e Laércio Diniz
Solista: João Carlos Martins
Sala São Paulo, 11 de março, 21 horas