Bolsistas encerram 41º Festival de Campos do Jordão

por Redação CONCERTO 30/07/2010

Com apresentações dia 30 no Auditório Claudio Santoro, dia 31 na Praça do Capivari e dia 1º na Sala São Paulo, a orquestra de alunos bolsistas encerra oficialmente o 41º Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão. Sob a regência dos maestros Yan Pascal Tortelier e Cláudio Cruz, os 113 bolsistas dos cursos de instrumentos apresentam As quatro estações portenhas, de Astor Piazzolla, sob regência de Claudio Cruz, e Timbres, espace, mouvement, de Henri Dutilleux, e O pássaro de fogo (versão 1945) de Igor Stravinsky com o maestro Tortelier.

Na apresentação do dia 1º na Sala São Paulo, transmitida ao vivo pela TV Cultura, haverá também a premiação dos melhores bolsistas brasileiros. Além do Prêmio Eleazar de Carvalho, que concede uma bolsa de estudos no exterior (no valor de R$ 48 mil) ao jovem músico de maior destaque, o Festival inaugura o Prêmio Ayrton Pinto, que oferecerá quatro premiações de R$ 8 mil aos melhores bolsistas por categoria de instrumentos; e o prêmio Camargo Guarnieri (R$ 15 mil), oferecido pelo Festival para os bolsistas de composição.

Às 23h do dia 1º, a TV Cultura leva ao ar mais um concerto inédito gravado durante o Festival. Também no palco da Sala São Paulo, a Osesp apresenta a abertura da ópera Semiramis de Rossini; o Concerto para violoncelo op. 129 de Schumann, com o violoncelista francês Marc Coppey, e a A tragédia de Salomé op.50, de Florent Schmitt.