“Carmen” abre o 3º Festival de Ópera de Brasília

por Redação CONCERTO 10/06/2013

O Festival de Ópera de Brasília chega à sua 3ª edição com homenagens aos bicentenários de Richard Wagner e Giuseppe Verdi, além de uma montagem da ópera Olga, de Jorge Antunes.

 

Com direção geral de Claudio Cohen, maestro titular da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional Claudio Santoro, o evento começa no dia 12 de junho, com a primeira récita de Carmen, de Bizet. A montagem, que será reapresentada ainda nos dias 14, 16, 17, 19 e 20, tem direção cênica de William Pereira. A ópera, que narra as desventuras da cigana Carmen, será interpretada pela sinfônica do teatro, comandada por Cohen, e traz em seu elenco central os cantores Biljiana Kovac (Carmen), Ana Luisa Espinosa (Micaela) e Homero Velho (Escamillo).

Já nos dias 25 e 26, Cohen comanda a Sinfônica do Teatro Nacional em dois concertos que homenageiam Wagner e Verdi, apresentando trechos de algumas de suas obras mais emblemáticas. Do alemão, a orquestra toca as aberturas de Os mestres cantores de Nuremberg e Rienzi; o ciclo Wesendoncklieder, com a mezzo Dubravka Separovic; e o Liebestod de Tristão e Isolda, com a soprano Janette Dornellas. Do compositor italiano, serão interpretados alguns dos famosos trechos de Nabucco, La Traviata, e Aida, além da abertura da ópera A força do destino.

O festival segue em julho, com a ópera Olga, de Jorge Antunes, que será apresentada nos dias 3, 5 e 7.

[Veja detalhes no Roteiro Musical]

Clássicos Editorial Ltda. © 2013 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.