Cláudio Cruz é o convidado da Orquestra Bachiana Sesi-SP na Sala São Paulo

por Redação CONCERTO 08/12/2014

A Orquestra Bachiana Filarmônica Sesi-SP faz, no dia 9, o último concerto de sua série oficial na Sala São Paulo. Para a ocasião, o grupo, com seu regente titular e diretor artístico, João Carlos Martins, recebe como convidado o violinista e maestro Cláudio Cruz. Atual diretor artístico da Orquestra Jovem do Estado, Cruz foi por mais de duas décadas spalla do Osesp, cargo que abandonou recentemente para se dedicar à carreira de maestro.

 

E é o próprio violinista que abre a apresentação, tocando no Duo concertante de Giovanni Bottesini, ao lado do contrabaixista Sérgio de Oliveira. Em seguida, a Bachiana, sob a batuta de João Carlos Martins, toca a Sinfonia nº 38, Praga, de Mozart.

Então Martins assume o piano e interpreta trechos do Concerto nº 23 de Mozart e do Concerto nº 5, Imperador, de Beethoven, além do Adiós nonino, de Astor Piazzolla. Cruz volta a empunhar o violino em Ladies in lavender, de Nigel Hess, que interpreta acompanhado por Martins.

[Veja mais no Roteiro Musical]

Clássicos Editorial Ltda. © 2014 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.