Compositor e maestro inglês Thomas Adès rege a Osesp

por Redação CONCERTO 17/11/2011

Nos dias 17, 18 e 19 de novembro, o compositor e maestro inglês Thomas Adès rege a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo tendo como solista o violinista Anthony Marwood, detentor do prêmio Instrumentalist of the Year pela renomada Royal Philharmonic Society. No repertório das apresentações, obras do próprio Adès e também O filho do rabequeiro, de Leos Janácek.

 

Nascido em Londres em 1971, Thomas Adès estudou piano com Paulo Berkowitz e composição com Robert Saxton na Guildhall School of Music and Drama. Ele estreou em 1992 no King's College, em Cambridge, onde estudou com Alexander Goehr e Robin Holloway. Assim como Britten, foi professor de composição na Royal Academy of Music, e em 2004 recebeu um doutoramento honoris causa pela Universidade de Essex.

Em 2007, uma retrospectiva de sua obra foi apresentada no Barbican Arts Centre em Londres e ele foi o foco do Festival Radio France e do Helsinque Festival. O festival Traced Overhead: O Mundo Musical de Thomas Ades contou com a estreia no Reino Unido de um novo trabalho com Simon Rattle e a Filarmônica de Berlim.

Estreiou no Symphony Hall de Birmingham em outubro de 1997 sob a direção de Simon Rattle e com a City of Birmingham Symphony Orchestra no BBC Proms. Recebeu ainda o Prêmio Grawemeyer de Composição Musical, em 2000, sendo o mais jovem a receber este prêmio.