Funarte lança três editais de música clássica, incluindo tradicional prêmio de composição

por Redação CONCERTO 02/03/2014

A Funarte (Fundação Nacional das Artes) anuncia três editais voltados à música clássica, incluindo o inédito Prêmio Funarte de Apoio a Orquestras, novidade de 2014. Além desse, há também o Prêmio Funarte de Concertos Didáticos, e o tradicional Prêmio Funarte de Composição Clássica, que seleciona obras para a 21ª Bienal de Música – que acontece em outubro de 2015.

 

O edital de apoio a orquestras premiará, no mínimo, 31 projetos, com valor máximo de R$ 40 mil para cada um. O dinheiro deve ser investido para aquisição ou reparação de instrumentos musicais, peças de reposição, estantes e materiais de consumo para instrumentos. As orquestras candidatas devem se encaixar na classificação de orquestra sinfônica, orquestra de cordas ou orquestra de câmara. As inscrições devem ser feitas pelos Correios e ficam abertas até o dia 14 de abril. Para maiores de talhes e ficha de inscrição, acesse a página do edital aqui.

Já o Prêmio Funarte de Concertos Didáticos contemplará no mínimo 41 projetos, no valor máximo de R$ 25 mil para cada um. O programa visa estimular a difusão da música em escolas da rede pública, e estão aptos a concorrer ao prêmio ensembles variados (duos, trios, quartetos, quintetos, sextetos vocais e/ou instrumentais) formados por músicos brasileiros, ou estrangeiros radicados no país há no mínimo 2 anos. As inscrições se encerram também no dia 14 de abril; confira os detalhes na página do edital.

Uma das mais tradicionais premiações de composição do Brasil, o Prêmio Funarte seleciona, em 2014, 37 obras inéditas para solista, orquestra, conjuntos instrumentais e/ou vocais. Ao todo será distribuído R$ 1,2 milhão em prêmios, conforme a seguinte disposição (para cada peça): R$ 30 mil para duas obras sinfônicas; R$ 20 mil para três obras para orquestra de câmara; R$ 16 mil para três obras para orquestra de cordas; R$ 16 mil para oito obras para conjuntos de seis a dez intérpretes, incluindo eletroacústica mista; R$ 12 mil para oito peças para coros, trios, quartetos ou quintetos instrumentais e/ou vocais; e R$ 9 mil para treze pelas para solos ou duos instrumentais e/ou vocais, ou para obras acusmáticas. Os títulos vencedores estarão na programação da 21ª Bienal de Música Contemporânea, que será realizada em outubro de 2015. As inscrições vão até o dia 31 de setembro de 2014; veja mais na página do edital.

Clássicos Editorial Ltda. © 2014 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.