Iván Martin encerra série “Pianíssimo” no Rio

por Redação CONCERTO 21/07/2009

Iván Martín, o pianista espanhol que vem sendo apontado como revelação de sua geração, encerra a série de concertos “Pianíssimo”, promovida pela Dell’Arte no Rio de Janeiro. Ele se apresenta no dia 22 de julho na Sala Cecília Meireles, fazendo sua estreia em palcos cariocas. No programa, sonatas de Scarlatti e Haydn e obras de Enrique Granados.

Natural de Las Palmas de Gran Canaria, Iván Martín estudou no Conservatório Superior de Música das Palmas de Gran Canaria e na Escola Superior de Música Reina Sófia, tendo como mestres Dimitri Bashkirov, Galina Eguiazarova e Ireneusz Jagla.

Aos 31 anos, é um artista inquieto com as possibilidades do piano. Já coleciona reconhecidas performances solo e já conquistou diversos prêmios nacionais e internacionais. Sua carreira cresceu vertiginosamente a partir de sua estreia no prestigioso festival La Roque d’Anthéron, na França. Também se apresentou com sucesso com a Osesp em 2007 e no International Keyboard Festival, de Nova York, atuando ainda em Monterey, São Francisco, Los Angeles e Washington, além de palcos de Portugal, Alemanha, Itália e África do Sul, sempre com grande reconhecimento de crítica e público.

A série Pianíssimo iniciou-se em março com o premiado pianista e maestro irlandês Barry Douglas. Em seguida foi a vez da brasileira Eliane Rodrigues, que causou sensação após 28 anos de ausência. Os brilhantes representantes da nova geração russa, Nikolai Lugansky e Vadim Rudenko se apresentaram em maio com enorme sucesso. Em junho foi a vez de Jean Louis Steuerman enfrentar o desafio de executar as Variações Goldberg de Bach.

[Clique aqui para mais detalhes do Roteiro Musical.]