MET ópera nos cinemas apresenta “O Conde Ory” e divulga temporada 2011-12

por Redação CONCERTO 19/04/2011

Na noite desta terça-feira, dia 19 de abril, a Mobz transmite diretamente do Metropolitan Opera de Nova York a ópera O Conde Ory, de Rossini, tendo no elenco Juan Diego Flores e Joyce di Donato, dois dos maiores nomes da ópera no mundo na atualidade. A transmissão em alta definição, com legendas em português, acontece às 20h00 em cinemas de diversas cidades brasileiras, e terá a regência de Maurizio Benini. [Veja cinemas participantes em www.mobz.com.br]

 

A empresa Mobz, que promove no Brasil as transmissões do Metropolitan de Nova York, divulgou a programação de 2011-12, em um evento em São Paulo com a presença do barítono Paulo Szot, que é um dos destaques da temporada.

Szot, que se mudou para os Estados Unidos para atuar na Broadway, foi convidado a assumir o papel de Lescaut, da ópera Manon, de Massenet, em abril de 2012. Curiosamente ele atuará na mesma ópera que imortalizou a célebre soprano Bidu Sayão, a primeira grande cantora brasileira a brilhar no MET. Tamanho foi o sucesso alcançado por Bidu nesta ópera, que a viúva de Massenet chegou a presenteá-la com a máscara mortuária do compositor. 

A iniciativa de levar as óperas do Metropolitan aos cinemas brasileiros iniciou-se em 2006 e tem atraído um número crescente de espectadores, que encontram a oportunidade de ver e ouvir (em áudio também de alta definição) montagens grandiosas, os melhores cantores da atualidade (dentre eles Anna Netrebko, Placido Domingo, Deborah Voigt, Bryn Terfel, Renée Fleming) e a regência de maestros como James Levine, com conforto, closes que nenhum binoculo de ópera consegue proporcionar e a praticidade de não se preocupar com a roupa e poder sair da sala no meio da apresentação, sem constrangimentos.

Na temporada 2009-10, as transmissões do MET em cinemas de todo o mundo geraram 2,4 milhões de ingressos vendidos, com uma bilheteria de US$ 48 milhões. Para a temporada 2011-12, estçao programados 11 títulos, de outubro de 2011 a maio de 2012, com óperas como Siegfried e O Crepúsculo dos Deuses de Wagner, Don Giovanni de Mozart, Fausto de Gounod, La Traviata de Verdi e até Satyagraha, de Philip Glass.

Outra novidade para 2011-12 é que, além das óperas do Met, serão transmitidos também ao vivo nos cinemas as apresentações do Balé Bolshoi, da Ópera de Paris e do teatro Real de Madri.

 

Confira abaixo a programação 2011-12 de transmissões do MET ópera nos cinemas.

15/ 10/11 - Anna Bolena, de Gaetano Donizetti
Com Anna Netrebko, a mezzo soprano Elina Garanča no papel de Giovanna Seymur e o tenor Stephen Costello como  Lorde Percy. Regência de Marco Amiliato.

29/10/11- Don Giovanni, de Mozart
Com o tenor polonês Mariusz Kwiecien, direção do premiado Michael Grandage e regência de James Levine.

05/11/11 – Siegfried, de Richard Wagner
Terceira ópera do Anel do Nibelungo, na montagem revolucionária de Robert Lepage com o uso inovador da tecnologia 3D. Com o tenor americano Gary Lehman como Siegfried, Deborah Voigt como Brünhilde e Bryn Terfel como o andarilho. Regência de James Levine.

19/11/11 – Satyagraha, de Philip Glass
A ópera que relata os primeiros anos de Gandhi na África do Sul conta com o tenor Richard Croft, a soprano australiana Rachelle Durkin, o barítono americano Kim Josephson e o baixo-barítono Alfred Walker. Regência de Dante Anzolini.

03/12/11 – Rodelinda, de Händel
Com a soprano Renée Fleming, a mezzo soprano Stephanie Blythe e, o contratenor Andreas Scholl. Regência de Harry Bicket.

10/12/11 – Fausto, de Gounod
Com o tenor alemão Jonas Kauffmann , o baixo René Pape como Mefistófeles e a soprano russa Marina Poplavskaya no papel de Marguerite.

21/01/12 – A Ilha encantada (estréia mundial)
Com Placido Domingo, Joyce DiDonato e David Daniels, com direção de Phelim McDermott e Julian Crouch. Regência de William Christie.

11/02/12 - O Crepúsculo dos Deuses, de Richard Wagner
Com Deborah Voigt como Brunhilde e Gary Lehman como Siegfried. Direção de Robert Lepage e regência de James Levine.

25/02/12 – Ernani, de Verdi
Com a americana Angela Meade e o tenor italiano Salvatore Licitra, A regência é de Marco Amiliato.

07/04/12 - Manon (Massenet)
Com Anna Netrebko contracenando com o barítono brasileiro Paulo Szot como Lescaut. A regência fica a cargo de Fabio Luisi.

14/04/12 - La Traviata
A soprano Natalie Dessay faz sua estreia no Met no papel de Violetta depois do estrondoso sucesso como Lucia de Lammermoor na temporada passada. A regência é de Fabio Luisi.