Orquestra Jovem do Estado de São Paulo encerra temporada com a “Sexta” de Mahler; assinantes da Revista CONCERTO pagam meia

por Redação CONCERTO 02/12/2016

O compositor Carl Heinrich Hübler foi também trompista da orquestra da Corte Real de Dresden, entre 1844 e 1891, recebendo o título de “virtuoso”. Em 1849, participou de uma apresentação privada do Konzertstück para quatro trompas de Schumann. E da experiência veio a ideia de compor a sua própria Peça de concerto para quatro trompas em fá maior, com a qual a Orquestra Jovem do Estado abre o seu programa deste domingo, dia 4, na Sala São Paulo. Os solistas são membros da orquestra: Johann Pereira, Estevão Ferreira, Gabriella Sá e Matheus Barciela.

 

Na segunda parte do programa, a orquestra interpreta a Sexta sinfonia de Gustav Mahler. Escrita entre os anos de 1903 e 1904, a obra também é conhecida por Trágica. A regência do concerto é do maestro titular do grupo Claudio Cruz. Antes da apresentação, acontece a entrega do Prêmio Ernani de Almeida Machado, destinado a membros do grupo.

Assinantes da Revista CONCERTO pagam meia

A parceria realizada entre a Revista CONCERTO e a Santa Marcelina Cultura – entidade que administra a Escola de Música do Estado de São Paulo, da qual a Orquestra Jovem faz parte – oferece um desconto para os assinantes da revista, que pagam meio ingresso. Para isso, os leitores devem registrar o seu número de assinante no campo de desconto do site da Ingresso Rápido, preenchendo cinco caracteres. (Consulte o número de assinante na etiqueta dos correios.) Ingressos Rápido: telefone 4003-1212 – www.ingressorapido.com.br (sujeito à taxa de conveniência).

[Veja mais no Roteiro Musical]