Orquestra Jovem do Estado recebe o pianista malaio Tengku Irfan

por Redação CONCERTO 04/03/2015

A Orquestra Jovem do Estado de São Paulo inicia 2015 mostrando, novamente, por que é considerada uma das principais iniciativas de formação musical do Brasil. Vencedora do último Prêmio CONCERTO na categoria jovem talento, o grupo dá início ao ano com um concerto na Sala São Paulo, no dia 7.

 

Comandada por seu regente titular e diretor artístico, Cláudio Cruz, a orquestra recebe como convidado o jovem pianista malaio Tengku Irfan, de 16 anos. Atualmente aluno da Juilliard School, Irfan iniciou seus estudos ao piano aos 7 anos e rapidamente desenvolveu grande interesse não apenas pela prática pianística, mas também pela composição. Seu primeiro grande compromisso foi aos 11, com a Filarmônica da Malásia, sob regência de Cleus Peter Flor.

Com a Orquestra Jovem ele interpreta o Concerto nº 3 de Beethoven – num repertório que traz ainda a Abertura concertante de Camargo Guarnieri e os Choros nº 6, de Villa-Lobos. O programa é reapresentado no dia seguinte, em Jundiaí.

Ainda em março, no dia 15, a orquestra toca em Santos, num repertório com peças de Villa-Lobos e Tom Jobim. Ambos repertórios apresentados em São Paulo e Santos fazem parte da turnê internacional que a Orquestra Jovem inicia na sequência, nos Estados Unidos. No dia 22, o grupo toca em Washington, no Kennedy Center, com a grande soprano norte-americana Harolyn Blackwell como solista; já no dia 25, é a vez de Nova York, que recebe o grupo no Lincoln Center, dessa vez com Irfan como solista.

[Veja mais no Roteiro Musical: São PauloJundiaíSantos]

Clássicos Editorial Ltda. © 2015 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.