Quarteto Borodin toca no Rio e em São Paulo

por Redação CONCERTO 03/06/2013

O mais antigo quarteto de cordas em atividade do mundo se apresenta no dia 4 de junho no Rio de Janeiro, pela Série O Globo/Dell’Arte Concertos Internacionais, e no dia 5 na Sala São Paulo na programação da Sociedade Cultura Artística.

 

Fundado em 1945 em Moscou (originalmente com o grande Mstislav Rostropovich em sua formação), o quarteto foi uma das poucas pontes culturais que saíam da União Soviética em direção ao Ocidente. Sua participação durante os anos da Guerra Fria foi determinante para a difusão da música feita na URSS, especialmente a obra de Shostakovich, com quem o grupo tinha especial ligação, e de quem estreou diversas peças. Outro grande nome associado ao quarteto é o do virtuoso pianista Sviatoslav Richter, considerado uns dos maiores do século XX.

Formado atualmente por Ruben Aharonian, Sergei Lomovsky (violinos), Igor Naidin (viola) e Vladimir Balshin (violoncelo), o grupo, apesar de tocar há mais de 60 anos e ter renovado seus músicos diversas vezes, mantém sua identidade, com grande interação e cumplicidade entre os integrantes, o que confere ao quarteto uma sonoridade mais bem casada e viva, garantindo a excelência de suas performances.

Nas duas apresentações o grupo interpreta os quartetos nº 2 de Borodin, o nº 8 de Shostakovich e o nº 2 de Tchaikovsky.

[Veja detalhes no Roteiro Musical]