Sala Cecília Meireles apresenta versão semi-encenada de “Renaud”, de Sacchini

por Redação CONCERTO 19/03/2015

Nos dias 21 e 22 de março, é apresentada na Sala Cecília Meireles a ópera Renaud, de Antonio Sacchini, em versão semi-encenada. Com direção de André Heller-Lopes, a peça tem no elenco Luisa Francesconi (mezzo), Marianna Lima, Nivea Raf (sopranos), Geilson Santos (tenor), Leonardo Pascoa (barítono) e Murilo Neves (baixo).

A música é da Orquestra Sinfônica Brasileira, que atua sob a batuta de Bruno Procópio. Nascido em 1730, Sacchini é um autor pouco conhecido no Brasil. Natural de Florença, ele foi criado em Nápoles. Estabeleceu-se como compositor de óperas sérias e cômicas ainda em seu país, mas mudou-se para Londres, onde trabalhou no King’s Theatre e, no final da vida, seguiu para a França.

Foi lá que estreou Renaud, baseada em texto de Torquato Tasso, uma de suas principais obras, cuja estreia foi acompanhada por personalidades como a Rainha Maria Antonieta: o sucesso da partitura fez com que, em dois anos, ela fosse interpretada mais de cinquenta vezes em Paris.

[Veja mais no Roteiro Musical]

Clássicos Editorial Ltda. © 2015 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.