Tempestade é tema da Orquestra Arte Barroca

por Redação CONCERTO 24/11/2011

Tempestade é o tema do concerto que a Orquestra Arte Barroca realiza no Teatro Coletivo, na rua da Consolação, nesta sexta-feira, dia 25 às 23h00. Sob a direção de Paulo Henes, o grupo apresenta La tempesta di mare op. 10 nº 1 e o Concerto nº 2 op. 8 RV 315, Verão, de Vivaldi; a Suíte A tempestade de Purcell e A tempestade de Matthew Locke. A entrada é franca.

 

A orquestra Arte Barroca é formada ainda por Carolina Colepicolo, Renan Vitoriano e Beatriz Ribeiro aos violinos, William Coelho à viola, Pedro Bevilaqua ao violoncelo, Gilberto Chacur ao contrabaixo, Edílson de Lima na teorba, Milton Castelli na guitarra barroca e Fernando Cardoso ao cravo.

Criada em 2007, este importante grupo procura difundir um repertório elaborado, que inclui algumas obras de execução ainda inéditas no país. A Orquestra apresentou-se em diferentes espaços que promovem o gênero erudito, dentre os quais Funarte, Masp, Sesi-Fiesp, Sesc- Carmo (Igreja da Boa Morte), Museu da Casa Brasileira, Centro Cultural São Paulo, Capela da PUC (Série Sacra Música), Livraria Cultura- Shopping Villa-Lobos, Pateo do Collegio, Faculdade de Artes Alcântara Machado e Unesp. Seus integrantes têm participado de diversos outros projetos, como as orquestras de câmara Musicantiga e Conceito Barroco e as montagens das óperas Dom Quixote e Orfeu, no Teatro Municipal do Rio de Janeiro. Acaba de lançar seu segundo CD intitulado “Sinfonias”, também de produção independente. Este CD trata do surgimento deste gênero musical no Período Galante, transição entre o Barroco e o Classicismo. Este CD traz obras de Vivaldi, Scarlatti e Sammartini, entre outros.

[Veja detalhes no Roteiro Musical]