Theatro Municipal de São Paulo apresenta “Thaïs”, de Massenet

por Redação CONCERTO 21/07/2015

Thaïs, de Jules Massenet, sobe ao palco do Theatro Municipal de São Paulo no dia 23 de julho. Serão ao todo seis récitas, com apresentações também nos dias 25, 26 e 30 de julho, 1º e 2 de agosto. Baseada no romance homônimo de Anatole France, a ópera se passa no século IV, no Egito – então controlado pelo Império Bizantino –, e narra a história da conversão ao cristianismo da cortesã Thaïs e sua tensa relação com o monge Athanaël. Leia mais sobre a peça na seção Repertório, da edição de julho da Revista CONCERTO (disponível aqui para assinantes).

O francês Alain Guingal é quem assina a direção musical e a regência, e tem o jovem Gabriel Rhein-Schirato como assistente. O italiano Stefano Poda é o responsável pela direção cênica, cenografia, figurinos, desenhos de luz e coreografia. Autor de espetáculos conceituados, Poda assinou a produção de Tristão e Isolda que abriu o Festival do Maggio Musicale Fiorentino de 2014, com Zubin Mehta na regência.

A montagem de Thaïs apresentada no Municipal é um de seus trabalhos mais aclamados. Criada originalmente para o Teatro Regio de Turim, em 2008, foi incluída na lista da BBC Music Magazine, em 2012, como uma das 20 maiores produções dos últimos 20 anos.

No elenco, destaque para a Ermonela Jaho e Sara Rossi Daldoss, que se revezam no papel-título, e Lado Ataneli e André Heyboer, que interpretam Athanaël. Completam o quadro Jean-François Borras, Luc Robert (Nicias), Carla Cottini (Crobyle), Malena Dayen (Myrtale), Ana Lucia Benedetti (Albine), Károly Szemerédy, Saulo Javan (Palémon), Lina Mendes (Charmeuse) e Eduardo Trindade (servo).

Ouvinte Crítico
A montagem terá votação aberta no Ouvinte Crítico. A enquete será lançada na quinta-feira, dia 23 de julho.

[Veja mais no Roteiro Musical]


[Veja também]
No Facebook, John Neschling divulga temporada 2016 do Theatro Municipal de São Paulo

Clássicos Editorial Ltda. © 2015 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.