Theatro Municipal do Rio adia temporada completa de “Jenufa”

por Redação CONCERTO 22/11/2016

A Fundação Theatro Municipal do Rio de Janeiro anunciou o adiamento de toda a temporada da ópera Jenufa, de Janácek, sua principal atração de novembro. Na semana passada, a fundação já havia adiado as duas primeiras récitas da produção, que seria apresentada ainda nos dias 24 e 26. Mas, em virtude da continuidade da paralisação dos servidores do teatro, que ainda não receberam do Governo do Estado o salário referente a outubro, a direção da casa decidiu pelo adiamento.

 

Em comunicado oficial, a fundação afirma que aguarda “os desdobramentos do movimento dos servidores para fornecer maiores informações a respeito de Jenufa e sobre o restante da programação de dezembro”. Para receber o dinheiro de volta, assinantes da temporada de óperas e pessoas que compraram entradas avulsas devem ir à bilheteria do teatro levando o ingresso original, documento original de identidade e CPF. A restituição será feita por meio de depósito em conta corrente em um prazo de 5 a 10 dias úteis.

Leia abaixo a íntegra do comunicado da Fundação Theatro Municipal do Rio de Janeiro:

A Fundação Teatro Municipal do Rio de Janeiro comunica que em virtude da continuidade da paralisação de seus servidores, decidida em assembleia de 21 de novembro, as apresentações da ópera Jenufa previstas originalmente para os dias 18, 20, 24 e 26 de novembro foram adiadas para novo período a ser divulgado oportunamente. Aguardamos os desdobramentos do movimento dos servidores para fornecer maiores informações a respeito de Jenufa e sobre o restante da programação de dezembro.

Os assinantes da temporada de óperas e frequentadores que compraram ingressos para Jenufa deverão comparecer à bilheteria do Theatro Municipal levando os ingressos originais, documento original de identidade e CPF. Será solicitado ao portador o preenchimento de formulário com seus dados bancários para depósito do valor a ser restituído num prazo de 5 a 10 dias.  Informamos que não será possível a devolução em espécie ou o depósito em conta poupança.
 
A Fundação Teatro Municipal do Rio de Janeiro lamenta os transtornos decorrentes das mudanças em sua programação.