Theatro São Pedro anuncia temporada 2015

por Redação CONCERTO 28/10/2014

Em coletiva de imprensa realizada na manhã de hoje, o Theatro São Pedro divulgou a sua nova temporada. Composta por sete óperas e seis séries de apresentações, a primeira temporada sob direção de Luiz Fernando Malheiro será uma celebração da voz em todas as possibilidades expressivas. “O São Pedro será um teatro vocal. A ópera, o lied, os oratórios, os ciclos de canções com orquestra, a música de câmara com as diversas formações instrumentais, incluindo a voz, serão o centro de nossa programação e nossa atividade acadêmica”, disse o maestro.

 

O ano começa, em março, com O amor dos três reis, de Montemezzi, compositor do início do século XX. A direção musical é de Malheiro e André dos Santos, que passa a ocupar o posto de regente assistente; já a direção cênica fica a cargo de Sergio Vela. No elenco estão a soprano Daniela Carvalho, os tenores Michael Hendrick e Juremir Vieira, o barítono Leonardo Neiva e o baixo Sávio Sperandio, entre outros. Já em abril, a atração é Poranduba, de Edmundo Villani-Côrtes, estreada no Festival Amazonas de Ópera e que, em São Paulo, será interpretada por um time composto, entre outros solistas, por Neiva, a soprano Gabriella Pace e a mezzo soprano Céline Imbert, com regência de Santos.

Em junho, uma remontagem de um título do acervo do teatro: Falstaff, de Verdi, com o barítono Rodolfo Giuliani no papel-título, acompanhado pela soprano Edna d’Oliveira e as mezzo sopranos Edinéia de Oliveira e Andreia Souza. A regência é do maestro titular do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Sílvio Viegas. Na sequência, em agosto, mais uma nova produção: Bodas no monastério, de Prokofiev, com regência de Malheiro, direção de Michal Znaniecki e um grande elenco encabeçado pelo tenor Miguel Geraldi, a mezzo soprano Luciana Bueno e o tenor Aníbal Mancini.

Em novembro, haverá um programa duplo, com O homem dos crocodilos, de Arrigo Barnabé (que traz de volta a São Paulo o baixo Sandro Christopher, ao lado da mezzo Denise de Freitas), e Oedipux Rex, de Stravinsky, com a soprano Eliane Coelho como Jocasta e o tenor Paulo Mandarino no papel-título. A regência será de Malheiro, e a direção cênica de Caetano Vilela.

Além dos títulos encenados, o Theatro São Pedro realiza em dezembro duas apresentações em versão de concerto de Os pescadores de pérolas, de Bizet.

Os elencos de cada uma das óperas têm, em comum, uma profusão de cantores líricos nacionais, alguns estreando no palco. Segundo Malheiro, dos 105 solistas convidados, 99 são brasileiros, dos quais 89 foram selecionados em audições. “Essas audições me deixaram perplexo: constatei a existência de um grande número de jovens talentos interessados em uma carreira no canto erudito. Vamos investir neles com responsabilidade. O São Pedro é o teatro de ópera do governo do estado de São Paulo e deve atingir um grau de excelência não só na realização de espetáculos, mas na valorização dos artistas locais e na capacitação de todos os profissionais envolvidos na produção de uma ópera. O que quero é que todos encontrem no São Pedro um ponto de referência para desenvolver suas ideias e sua arte.”

Além das ópera, que serão oferecidas também em forma de assinaturas, o teatro terá atividades pedagógicas desenvolvidas pela Academia do Theatro São Pedro e outras séries como cortinas líricas, vesperais líricas, concertos sinfônicos, repertório de canções e música de câmara dedicada à música brasileira do século XX e XXI – serão 23 apresentações, com curadoria do jornalista e colaborador da Revista CONCERTO Irineu Franco Perpetuo.

Assinaturas

O público pode adquirir assinaturas para a temporada de óperas. Elas incluem os cinco espetáculos (fica de fora o título apresentado em versão de concerto), divididos em três séries: quartas-feiras (estreias), sextas-feiras e domingos. Para as estreias, os valores são R$ 120 (2º balcão), R$ 160 (1º balcão) e R$ 280 (plateias); já nas outras duas séries, o preço das assinaturas são R$ 80, R$ 120 e R$ 240, respectivamente. As assinaturas podem ser adquiridas a partir do dia 1º de novembro, pelo site ingressorapido.com.br/assinatura/saopedro. Mais informações pelo telefone (11) 3661-6600. [Por João Luiz Sampaio]

[Clique aqui para conferir a Temporada 2015 do Theatro São Pedro.]

[Leia mais sobre a Temporada 2015 do Theatro São Pedro na edição de novembro da Revista CONCERTO – clique aqui (acesso exclusivo para assinantes).]