Virtuosi Século XXI promove música contemporânea no Recife

por Redação CONCERTO 08/10/2012

Recife recebe nos dias 9, 10 e 11 de outubro a primeira edição do Virtuosi Século XXI. Trata-se de um festival voltado para a música contemporânea, mais especificamente à brasileira – mais especificamente ainda à nordestina. Além de promover compositores locais e criar oportunidades para a interpretação de novas composições, o festival busca aproximar o público (e os próprios compositores) da música contemporânea, realizando não apenas concertos, mas também encontros com compositores e oficinas e composição – as oficinas serão ministradas pelo compositor francês Tristan Murail, um dos grandes nomes da criação musical na contemporaneidade.

 

O programa prevê um concerto por dia. No dia 9 o programa é duplo: primeiro com o violinista suíço Egidius Streiff em recital solo, com obras de compositores brasileiros – como Harry Crowl – e estrangeiros – caso de Michele Rusconi e Baader-Nobs; depois, com o Grupo Sonantis, da Universidade Federal da Paraíba, que é dirigido pelo compositor Eli-Eri Moura e toca peças do português João Pedro Oliveira e do próprio Eli-Eri.

No dia seguinte, quem toca é a Orquestra Jovem de Pernambuco, sob a regência de Rafael Garcia e com Streiff como solista. O destaque da apresentação fica por conta da peça 4'33”, de John Cage – executada em homenagem ao centenário do norte-americano, completado em setembro. Quem fecha o festival é o Gotlands Blasarkvintett, quinteto de sopros sueco, que interpreta obras de Lorenzo Fernandez, Villa-Lobos e Peter van Tour, entre outros.

[Veja detalhes no Roteiro Musical]