Com obras de Mozart e Beethoven, Gil Jardim rege Orquestra de Câmara da USP

por Redação CONCERTO 29/03/2017

Sob regência de seu diretor artístico Gil Jardim, a Orquestra de Câmara da USP apresenta-se neste sábado, dia 1º, no Instituto Tomie Ohtake, na abertura da exposição “Dream come true”, de Yoko Ono, e no domingo, dia 2, no Museu da Casa Brasileira.
 
O repertório é o mesmo nas duas ocasiões, construído em torno do período clássico. O concerto tem início com Mozart e seu Concerto para flauta, harpa e orquestra em dó maior, que conta com dois importantes solistas: o flautista Toninho Carrasqueira e a harpista Suelem Sampaio. Em seguida, a Sinfonia nº 4, de Beethoven.

[Veja mais no Roteiro Musical]