Morre em Poços de Caldas o trompetista Sergio Cascapera

por Redação CONCERTO 18/01/2017

Morreu ontem, aos 61 anos, o trompetista e professor Sergio Cascapera. O músico participava do Festival Música nas Montanhas, em Poços de Caldas.

Sergio iniciou seus estudos com seu pai e posteriormente ingressou no Conservatório Dramático e Musical de São Paulo, formando-se no curso de trompete. Seguiu seu aprendizado na Faculdade Mozarteum (bacharelado em trompete) e na Universidade de São Paulo (mestrado, doutorado e livre docência). Desde 1989 era professor de trompete no Departamento de Música da Escola de Comunicações e Artes da USP.

Sergio também foi professor da Escola Municipal de Música, da Emesp Tom Jobim, da Faculdade Mozarteum e de diversos festivais (Campos de Jordão, Itu, Ourinhos e Poços de Caldas).

O trompetista trabalhou nas principais orquestras de São Paulo: de 1978 a 1981 integrou a Orquestra Sinfônica Municipal; de 1981 a 1997 atuou junto à Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo; e de 1998 a 2005 foi 1º trompete da Orquestra Sinfônica da Rádio e Televisão Cultura.

Um dos mais versáteis e talentosos instrumentistas brasileiros de sua geração, Sergio Cascapera era muito querido na comunidade musical. Em emocionado depoimento em sua página no Facebook, o maestro Jean Reis, diretor do Festival Música nas Montanhas, escreve: “Hoje, Sergio, nosso coração se encolhe num profundo sentimento de ausência que se faz presente. Seu lugar continua guardado entre nós, porque o amor e carinho de amigos como você não tem fim... Sua honestidade, lealdade, dedicação a tantos, se multiplica na vida dos que aprenderam e conviveram com você”.