Banner 468x60
Banner 180x60
Bom dia.
Quinta-Feira, 23 de Novembro de 2017.
 
E-mail:  Senha:

 

 
Nome

E-mail


 
Saiba como anunciar na Revista e no Site CONCERTO.
   


 

Vitrine Musical 2016 - Clique aqui e veja detalhes dos anunciantes

 
 

Votação encerrada


Philharmonia Orchestra; Vladimir Ashkenazy, regente; Nelson Freire, piano (Temporada 2014 Mozarteum Brasileiro)
Dias 15 e 17: Ralph Vaughan Williams (The lark ascending), Beethoven (Concerto nº 5, Imperador) e Sibelius (Sinfonia nº 5).
Dia 16: Ralph Vaughan Williams (The lark ascending), Beethoven (Concerto nº 5, Imperador) e Tchaikovsky (Sinfonia nº 5).
Sala São Paulo (dias 15 e 16) e Theatro Municipal do Rio de Janeiro (dia 17)
   
Número de votantes: 24
Média: 9,8
Conceito:
   
Comentários:  
Samuel Diaz Excelente!
   
Patrício E. Mendes Foi muito bom o concerto!
   
Diana Ruiz Sim, um verdadeiro escultor de sons! Nelson Freire brilhou em noite brilhante! Música maravilhosa.
   
Carlos Frederico Quando o imperador do piano encontra o concerto Imperador, acontece o esperado: uma viagem ao reino do encanto, colorida pela paleta de cores quase infinita que Freire extrai do seu piano. O músico, que já foi o pianista mais apolíneo e contido dentre os especialistas no repertório romântico, hoje soa arrebatado e passional. Mas é sempre ele mesmo, para nossa sorte. No bis, a Melodia, de Orfeo e Eurídice, não podia faltar em um concerto que era um dos favoritos da mestra Guiomar Novaes. Completaram a viagem da 2a feira a onírica peça de Vaughan Williams e a 5a de Sibelius, tocada como se espera de uma grande orquestra: cordas em destaque quando a partitura pede, mesmo nos tutti; madeiras com o entrosamento de um conjunto de câmara; e os metais preparados para fazerem os cisnes voarem em diferentes alturas e volumes. Nem a pequena quebra nos compassos finais impediu que a gente voasse junto.
   
Veronica Favato Brugugnoli Mais uma vez Nelson Freire dá um show de técnica e clareza. Nunca nos cansamos de ouvir a Dança dos Espíritos, de Gluck, como bis. A orquestra estava em perfeita sintonia, parabéns aos músicos e ao maestro Ashkenazy.
   
Felipe Gavioli Regência eletrizante desse jovem talento russo de 77 anos, a lenda Vladimir Ashkenazy. Leitura jovial e límpida de Beethoven - com o brilho habitual de Nelson Freire - e um Sibelius contrastante em seus dramas e dinâmicas sempre tão tocantes. Brilhante e puríssimo som da Philharmonia Orchestra.
   
Luciana Costa Adorei. Vocês saberiam me dizer qual foi a ultima peca tocada pela orquestra ( sem o Nelson Freire) depois que metade do teatro saiu sem pedir Bis?!! Estou até agora sem entender aquela debandada do teatro. Uma pena numa oportunidade tão rara. Acho que os músicos até estavam preparados para o Bis, mas desanimaram frente a tamanha indiferença. Me refiro à apresentação no Rio
   
Sheila M. Em poucas palavras, foi um excelente concerto. Belíssima interpretação para The Lark Ascending, muito boa performance da solista e linda conversa com a orquestra. A 5a. Sifonia de Sibelius foi igualmente muito bem conduzida, destaque para a precisão dos metais. Já a Imperador do Beethoven, o que dizer da interpretação inteligente de Nelson Freire, sem afundar em elogios? :)
   
Samuel Procopio Um concerto maravilhoso!
   
claudia teixeira Repertório e interpretações sublimes!
   
Aparecida Valiatti Simplesmente Maravilhoso!
   
Davi Arão Elias Cardoso Nelson esteve espetacular em sua interpretação do "Emperador"! A regência de Ashkenazy foi outro show á parte! Até aí era mesmo o que eu esperava de dois mestres desse calibre! O que realmente me surpreendeu foi a performance de Esther Yoo (de apenas 20 anos!) em "Lark Ascending", foi algo especialmente impactante nessa noite memorável!!
   
Francisco Roberto Macedo Guimaraes Nelson insuperável.
   
   

voto           voto



< Mês Anterior Novembro 2017 Próximo Mês >
D S T Q Q S S
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2
 

 
São Paulo:

25/11/2017 - Quarteto de Cordas da Orquestra Jovem do Estado

Rio de Janeiro:
25/11/2017 - Orquestra Petrobras Sinfônica

Outras Cidades:
23/11/2017 - Belém, PA - Orquestra Sinfônica do Theatro da Paz
 




Clássicos Editorial Ltda. © 2017 - Todos os direitos reservados.

Rua João Álvares Soares, 1404
CEP 04609-003 – São Paulo, SP
Tel. (11) 3539-0045 – Fax (11) 3539-0046