Banner 180x60
Bom dia.
Quinta-Feira, 18 de Janeiro de 2018.
 
E-mail:  Senha:

 

 
Nome

E-mail


 
Saiba como anunciar na Revista e no Site CONCERTO.
   


Vitrine Musical 2016 - Clique aqui e veja detalhes dos anunciantes

 
 
 
Feliz Ano-Novo! (31/12/2008)
Por Nelson Rubens Kunze

Hoje (31 de dezembro), às 20 horas, a Osesp sobe ao palco da Sala São Paulo para um concerto de Réveillon que será transmitido, ao vivo, a todo o Brasil (pela TV Cultura) e para diversos países europeus (pela TV teuto-francesa Arte). O maestro John Neschling regerá a principal orquestra da América Latina em um programa que abre com os Choros 10 de Villa-Lobos - possivelmente o maior compositor brasileiro de todos os tempos -, e segue com obras de Piazzolla e Ginastera, de Francisco Mignone, Lorenzo Fernandez e Guerra Peixe, e de talentos maiores de nossa música popular, como Noel Rosa, João Bosco, Guinga e Ary Barroso, entre outros. O concerto terá também a participação da Banda Mantiqueira e da cantora Mônica Salmaso.

A transmissão pela TV Arte é emblemática, pois é mais um reconhecimento internacional de um trabalho que já dura 10 anos, que é a construção de uma orquestra sinfônica de qualidade em nosso país. O concerto que será visto esta noite em cidades como Berlim, Madri, Viena, Estocolmo, Paris, Lisboa ou Roma não é, contudo, apenas um reconhecimento internacional de um projeto exemplar desenvolvido no Brasil. É muito mais do que isso. É um cartão de visitas apresentando um país que valoriza a sua cultura e a cultura universal, o que é prova de seriedade e comprometimento. E esse cartão de visitas será mais uma ferramenta para impulsionar o nosso desenvolvimento, gerando negócios e riquezas que ultrapassam múltiplas vezes os recursos públicos que o país investe neste projeto vitorioso.

A Osesp é uma janela para o futuro. Uma janela de trabalho e compromisso com a nossa realidade cultural e social, que certamente nos ajudará a construir um mundo mais solidário, justo e sustentável.

Faça como os europeus e não perca a Osesp na TV Cultura. E feliz Ano-Novo para todos!





Nelson Rubens Kunze - é diretor-editor da Revista CONCERTO

Mais Textos

A produção é boa, mas faltou mágica na “Flauta” do Municipal Por Nelson Rubens Kunze (23/12/2017)
Relativizações, realidades e transformações: um olhar sobre “A flauta mágica” do Theatro Municipal Por João Luiz Sampaio (23/12/2017)
O prazer de ouvir Neymar Dias – muito bachiano e muito brasileiro Por Irineu Franco Perpetuo (20/12/2017)
Uma temporada inclusiva, feita com inteligência Por João Marcos Coelho (19/12/2017)
Uma grande e despretensiosa sátira Por João Luiz Sampaio (8/12/2017)
A goleada da Argentina (e nem precisaram do Messi) Por Nelson Rubens Kunze (8/12/2017)
Museu virtual reúne milhares de instrumentos de coleções britânicas Por Camila Frésca (4/12/2017)
Karnal, a Osesp e o governador Por Nelson Rubens Kunze (24/11/2017)
Quem não trafega nas redes sociais se trumbica Por João Marcos Coelho (24/11/2017)
Budu e Hilsdorf: nasce um duo Por Irineu Franco Perpetuo (14/11/2017)
Três óperas Por Jorge Coli (7/11/2017)
Convocação de OSs para Emesp, Guri e Conservatório de Tatuí reforça torniquete financeiro do governo Por Nelson Rubens Kunze (3/11/2017)
Para onde nos levará a onda de censura no país? Por João Marcos Coelho (31/10/2017)
Os quartetos de cordas e a reavaliação da obra de Villa-Lobos Por Camila Frésca (30/10/2017)
O Brahms profundo e espontâneo de Nelson Freire Por Irineu Franco Perpetuo (25/10/2017)
Primeiras impressões sobre a temporada da Osesp Por João Marcos Coelho (29/9/2017)
“Tosca” tem montagem competente no Rio de Janeiro Por Nelson Rubens Kunze (28/9/2017)
Refinamento e inventividade em “Brazilian Landscapes” Por Camila Frésca (28/9/2017)
Um “Nabucco” problemático no Theatro Municipal de São Paulo Por João Luiz Sampaio (26/9/2017)
Na estreia com a Osesp, Leonardo Hilsdorf encanta a Sala São Paulo Por Irineu Franco Perpetuo (22/9/2017)
Festival de Ópera do Theatro da Paz faz bom “Don Giovanni” Por Nelson Rubens Kunze (19/9/2017)
Penderecki e Szymanowski: uma noite musical maior Por Jorge Coli (18/9/2017)
Novo fôlego para a ópera no RS Por Everton Cardoso (8/9/2017)
Wagner de boa qualidade, mas sem lirismo e vigor dramático Por Jorge Coli (4/9/2017)
Finalmente Dudamel “suja” mãos e batuta com a “política” Por João Marcos Coelho (24/8/2017)
Dobradinha “Pulcinella & Arlecchino” tem boa realização no Theatro São Pedro Por Nelson Rubens Kunze (23/8/2017)
 
Ver todos os textos anteriores
 
<< voltar

 


< Mês Anterior Janeiro 2018 Próximo Mês >
D S T Q Q S S
31 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3
 

 
São Paulo:

18/1/2018 - Espetáculo O compositor delirante

Rio de Janeiro:
24/1/2018 - José Carlos Vasconcellos - piano

Outras Cidades:
30/1/2018 - Paraupebas, PA - Academia Jovem Concertante
 




Clássicos Editorial Ltda. © 2018 - Todos os direitos reservados.

Rua João Álvares Soares, 1404
CEP 04609-003 – São Paulo, SP
Tel. (11) 3539-0045 – Fax (11) 3539-0046