Dudamel no Brasil

por Redação CONCERTO 15/06/2011

Certamente a mais aguardada atração do ano da temporada de concertos, o jovem maestro venezuelano Gustavo Dudamel se apresenta pela primeira vez no Brasil e começa nesta quarta-feira uma série de concertos com a Orquestra Simón Bolívar da Venezuela. A orquestra jovem é a parte mais visível de um projeto de inclusão social por meio da música implantado pelo governo da Venezuela e denominado “El sistema”. Criado em 1978 por José Antônio Abreu, o projeto atende mais de 250 mil jovens músicos de baixa renda ou de áreas desprivilegiadas da Venezuela. Com interpretações de repertório clássico tradicional, obras venezuelanas e latino-americanas, o grupo tem percorrido a Europa, a Ásia e as Américas.

 

Seu diretor artístico e principal regente, Gustavo Dudamel, é uma atração à parte. Um dos maestros mais celebrados pela crítica e público nas últimas décadas, Dudamel, de 30 anos, é fruto do próprio projeto e começou a se dedicar às aulas de regência em 1995, depois de ter iniciado aulas de violino no Conservatório Jacinto Lara com José Luis Jiménez e na Academia Latino-Americana de Violino com Francisco Del Castillo. Eleito recentemente uma das cem personalidades mais influentes pela revista Time, Gustavo Dudamel se tornou destaque no cenário erudito internacional depois de vencer a Gustav Mahler Conducting Competition, em 2004. Atualmente é também diretor artístico da Filarmônica de Los Angeles e da Sinfônica de Gotemburgo (leia mais sobre Dudamel na Revista CONCERTO deste mês).

Após o concerto no Teatro Castro Alves, em Salvador, dia 15, Dudamel se apresenta dia 17 em Paulínia, nos dias 19, 20 e 21 na Sala São Paulo pela Sociedade de Cultura Artística e nos dias 22 e 23 pela Dell’Arte no Teatro Municipal do Rio de Janeiro.

Nos repertórios desta turnê estão peças como a Sinfonia nº 7 de Mahler, Daphne e Chloe de Ravel, Santa Cruz de Pacairigua de Evencio Castellanos, a Sinfonia Índia de Carlos Chaves e O Pássaro de Fogo de e Stravinsky.

[Veja detalhes no Roteiro Musical]