Osesp homenageia violinista Lev Veksler

por Redação CONCERTO 03/12/2012

Nos dias 6, 7 e 8 de dezembro a Osesp realiza concertos em homenagem ao violinista russo Lev Veksler, que, na ocasião, será spalla da orquestra. Membro da Osesp desde 1998, Veksler começou a estudar música aos 5 anos de idade, em sua cidade natal, Kazan. Aos 20 já tocava na filarmônica local, que era dirigida pelo famoso maestro ucraniano Nathan Rachlin. A apresentação com a Osesp se inicia exatamente com uma orquestração de Rachlin para a Chacona de Bach. A segunda parte do programa traz a grandiosa Sinfonia nº 7, Leningrado, de Shostakovich. Escrita em 1941, no calor da Segunda Guerra Mundial, a sinfonia foi bem recebida na época de sua apresentação, tanto na União Soviética quanto no Ocidente, graças a sua clara oposição ao totalitarismo nazista, bem como homenagem aos soldados soviéticos mortos na batalha – daí o epíteto “Leningrado”, cidade que foi sitiada pelas tropas alemãs, italianas e finlandesas, e que se tornou símbolo da barbárie e da resistência.

 

Com este concerto, a Osesp dá continuidade a um louvável projeto de valorização de seus músicos. Em 2010, a Fundação Osesp homenageou o spalla Cláudio Cruz, que completara vinte anos na Orquestra. Dando continuidade ao ciclo de homenagens aos músicos que fazem a história da Osesp, em 2011 foram celebrados os trinta anos de Arcádio Minczuk como oboísta da Orquestra. Ao longo de três apresentações regidas por seu irmão, o maestro Roberto Minczuk, Arcádio foi solista do Concertino para oboé e cordas, de Brenno Blauth.

[Veja detalhes no Roteiro Musical]