Petrobras Sinfônica conclui ciclo Mahler e estreia obra de André Mehmari

por Redação CONCERTO 14/06/2010

A Orquestra Petrobras Sinfônica faz no dia 17 de junho, no Teatro Municipal do Rio de Janeiro, mais um concerto da sua Série Djanira. Com regência do maestro Isaac Karabtchevsky, acontece a estreia mundial da obra Contraponto, ponte e ponteio para orquestra sinfônica, de André Mehmari. Esta é a  primeira vez que a Petrobras Sinfônica encomenda uma obra a um compositor.

 

A segunda parte do concerto marca o encerramento do ciclo Mahler, iniciado em 2006 e que trouxe ao público carioca a integral das sinfonias do compositor. A Sinfonia n°5 será interpretada também como homenagem aos 150 anos do nascimento do compositor. Escrita entre 1901 e 1902, tem cinco movimentos e teve sua estreia mundial no dia 18 de outubro de 1904 em Colônia, na Alemanha, sob regência do próprio Mahler.