Theatro Municipal apresenta “Sinfonia nº 8” de Mahler

por Redação CONCERTO 26/02/2018

O Theatro Municipal de São Paulo, que terá ao longo do ano quatro produções de óperas, abre sua temporada oficial em março com uma intensa agenda de concertos. A começar pelas apresentações dos dias 2 e 3, quando a Orquestra Sinfônica Municipal, o Coro Lírico, o Coral Paulistano e o Coro Infantojuvenil da Escola Municipal de Música interpretam a Sinfonia nº 8 de Mahler. A regência é de Roberto Minczuk, que comanda ainda um grande time de solistas, composto por Gabriella Pace, Rosana Lamosa, Denise de Freitas, Ana Lucia Benedetti, Fernando Portari, Licio Bruno e Savio Sperandio.

Roberto Minczuk [Revista CONCERTO / Carlos Goldgrub]
Roberto Minczuk [Revista CONCERTO / Carlos Goldgrub]

Conhecida como Sinfonia dos mil, pelo número de artistas exigidos, a obra tem como inspiração, em seu último movimento, o Fausto, de Goethe, com ideias claras, das quais fazem parte o amor como princípio de redenção; a oposição entre a fraqueza terrena e a vida nas alturas; ou a purificação da alma que permite o renascimento em uma existência pós-morte. O próprio Mahler a tratava como sua obra mais grandiosa – e foi a partir dela que ele afirmaria, em conversa com Jean Sibelius, que “uma sinfonia deve ser como o mundo, deve abarcar tudo”.

[Veja mais no Roteiro Musical]