Filarmônica de Minas Gerais estreia peça vencedora do concurso de composição Tinta Fresca

por Redação CONCERTO 11/11/2013

A Orquestra Filarmônica de Minas Gerais se apresenta no dia 12 no Palácio das Artes, em Belo Horizonte. O concerto tem como regente o maestro titular do grupo, Fabio Mechetti, e traz no repertório uma estreia mundial: Horizonte, do paulistano Carlos dos Santos. Trata-se da peça vencedora do Festival Tinta Fresca, que promove o trabalho de jovens compositores.

 

Natural de São Paulo, Santos tem em seu currículo dois prêmios de composição clássica da Funarte, e o primeiro lugar no concurso de composição da Orquestra de Câmara da USP. Horizontes homenageia a topografia ondulada da cidade de Belo Horizonte.

Completam o repertório as Variações enigma, de Elgar, e o Concerto para violino de Brahms, que tem interpretação da japonesa Kyoko Takezawa. Requisitada solista, Takezawa já se apresentou à frente de orquestras como a Filarmônica de Nova York e a Sinfônica de Chicago, além de ter atuado ao lado de maestros como Colin Davis, Kurt Masur e Seiji Ozawa.

[Veja mais no Roteiro Musical]

Clássicos Editorial Ltda. © 2013 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.