Pinchas Zukerman atua como regente e solista da Orquestra Sinfônica Brasileira

por Redação CONCERTO 02/10/2015

O celebrado violinista e maestro israelense Pinchas Zukerman se apresenta duas vezes com a Orquestra Sinfônica Brasileira em outubro. Em ambas ocasiões ele é acompanhado pela violoncelista sul-africana Amanda Forsyth. A primeira data de Zukerman com a orquestra carioca é no dia 3, na Cidade das Artes.

Como regente e solista, ele comanda OSB na abertura de A flauta mágica, de Mozart, e então recebe Forsyth no palco para O bosque silencioso, para violoncelo e orquestra, do ciclo Da floresta da Boêmia, de Antonín Dvorák; e para o Adágio sobre melodias célticas, de Max Bruch. Zukerman assume, então, o violino e comanda o Concerto nº 3, Estrasburgo, de Mozart. Encerra o programa a Sinfonia nº 8 de Dvorák.

[Veja mais no Roteiro Musical]

Clássicos Editorial Ltda. © 2015 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.