Roberto Minczuk deixa direção artística da OSB

por Redação CONCERTO 15/07/2011

O maestro Roberto Minczuk pediu demissão da direção artística da Orquestra Sinfônica Brasileira (OSB). O pedido vem após o anúncio, na semana passada, da criação de uma comissão artística para assessorá-lo [leia aqui]. Roberto Minczuk, que segue como regente titular da orquestra, sofreu grande desgaste em decorrência da crise que assolou a OSB no primeiro semestre.

 

Leia a seguir o comunicado da assessoria de imprensa da OSB:

Mudanças na direção da Orquestra Sinfônica Brasileira

O maestro Roberto Minczuk pediu seu desligamento da direção artística da OSB. O cargo passará a ser exercido pelo ex-diretor do Theatro Municipal, Fernando Bicudo, e pelo produtor e compositor Pablo Castellar de forma compartilhada. Ambos já estavam em negociação com a Fundação para montar um modelo de curadoria musical e foram convidados pelo presidente da FOSB, Eleazar de Carvalho Filho, para assumir a função. A partir de agora, Bicudo e Castellar serão os responsáveis pela elaboração das temporadas da orquestra e pela relação entre os músicos e o Conselho Curador da FOSB. 

Minczuk continuará como maestro titular, com foco na qualidade do corpo orquestral da Fundação. A direção artística responderá diretamente ao presidente da FOSB.