Theatro Municipal de São Paulo estreia produção de “Elektra”, de Richard Strauss

por Redação CONCERTO 07/10/2016

A ópera Elektra, de Richard Strauss, é o destaque da programação do mês do Theatro Municipal de São Paulo. Após elogiada produção de Salomé, do mesmo compositor, apresentada em 2014, a diretora Lívia Sabag volta a assinar a concepção cênica. O elenco terá as sopranos Catherine Foster e Eva Johansson, que se alternam no papel título ao longo das récitas, que acontecem nos dias 9, 12, 13, 15, 16, 18 e 20 de outubro.

 

Elektra estreou em 1909 em Dresden e é simbólica de um momento de transição da história da música. O libreto é de Hugo von Hofmannsthal a partir de uma peça de sua autoria. O texto inspira-se na mitologia grega, mas a adapta à luz da época do autor, com fortes cargas expressionistas. Também compõem o elenco as mezzo-sopranos Natasha Paremsky e Susanne Resmark, a soprano Emily Magee e os baixos Albert Dohmen e Johmi Steinberg. O espetáculo tem acompanhamento musical da Orquestra Sinfônica Municipal. Com a demissão do maestro John Neschling [leia mais aqui], a regência e direção do espetáculo será assumida pelo assistente Eduardo Strausser.

[Veja mais no Roteiro Musical]