Ópera Estúdio reúne títulos italianos em “Tutto nel Mondo è Burla!”

por Redação CONCERTO 17/11/2011

Sob direção de Mauro Wrona e Iacov Hillel, o projeto Ópera Estúdio apresenta nos dias 18, 19 e 20 de novembro na Pinacoteca do Estado de São Paulo o espetáculo Tutto nel Mondo è Burla!. Com título inspirado em um trecho da ópera Falstaff, de Verdi, a apresentação reúne excertos de famosas óperas italianas, como La Traviata, La Bohème e L’Elisir d’Amore, em comemoração ao ano da Itália no Brasil.

 

O fio condutor da montagem é a garrafa do elixir do amor de Nemorino (L’Elisir d’Amore), que passará pelas mãos de diversos personagens durante o espetáculo. Serão 20 números musicais com trechos das óperas: L’Elisir d’Amore e Lucrezia Borgia de Donizetti, La Traviata, Rigoletto e Falstaff  de Verdi, La Bohème de Puccini e La Cenerentola de Rossini.

O Ópera Estúdio, projeto que reúne jovens cantores de ópera, foi criado em 2005 pela então ULM (Universidade Livre de Música), realizando anualmente a apresentação de um título inteiramente desenvolvido pelos alunos sob orientação do professor Mauro Wrona. Já foram encenados Così fan Tutte de Mozart (2005), Albert Herring de Benjamin Britten (2006), Orphée aux Enfers de Jacques Offenbach (2007), Viva la Mamma de Gaetano Donizetti (2008), Le Domino Noir de Daniel Auber (2009) e A Flauta Mágica de Mozart (2010), estes dois últimos já sob a realização da Emesp Tom Jobim.