Prefeitura de Campinas demite diretora da Sinfônica Municipal pelo Diário Oficial

por Redação CONCERTO 30/01/2012

Há apenas quatro meses no cargo, a diretora administrativa da Sinfônica Municipal de Campinas, Adriana Canguçu, foi exonerada do cargo nesta segunda-feira, dia 30 de janeiro. Segundo a imprensa campineira, a executiva soube da demissão pela recepcionista da orquestra, que a alertou sobre sua exoneração publicada no Diário Oficial.

 

De acordo com o Secretário de Cultura de Campinas, Flávio Sanna, a deliberação da exoneração da diretora está intimamente ligada ao gabinete do prefeito em exercício, Serafim Jr. "Estava ciente do que aconteceu, participei da conversa, mas foi uma determinação direta do prefeito", comentou o secretário em depoimento ao EP Campinas.

A ex-diretora havia se reunido com o secretário de Cultura logo após a posse dele, em 18 de janeiro. Segundo ela, a principal discussão foi sobre a sede para a OSMC na programação de 2012, já que o Teatro do Centro de Convivência encontra-se fechado.

De acordo com a ex-diretora, o maestro Victor Hugo Toro, que está no Chile,  ficou “chocado” com a notícia.

Adriana Canguçu, que atuou por dois anos como produtora executiva na CPFL Cultura, assumiu a Sinfônica Municipal de Campinas após exoneração do músico Arthur Achilles, então diretor administrativo.

[Leia matéria da CONCERTO sobre a posse de Adriana Canguçu]
[Leia matéria da EP Campinas]