Sob regência de Marcos Arakaki, Filarmônica de Goiás recebe oboísta Washington Barella [Evento adiado]

por Redação CONCERTO 29/07/2014

O Teatro Goiânia sedia, no dia 31 de julho, um concerto da Orquestra Filarmônica de Goiás com dois importantes convidados da cena clássica brasileira. Quem rege o grupo é o maestro associado da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, o paulistano Marcos Arakaki. E, como solista, a orquestra recebe o oboísta Washington Barella.

 

Natural de Piracicaba, Barella está radicado na Alemanha, onde é, desde 1992, primeiro oboé da Orquestra Sinfônica da SWR de Baden Baden. Em Goiânia, ele interpreta o Concerto de Richard Strauss – cujo aniversário de 150 anos é celebrado em 2014.

O repertório tem ainda o Tributo a Portinari, de César Guerra-Peixe – em homenagem aos cem anos de nascimento do compositor –, e a Sinfonia nº 5 de Mendelssohn, conhecida como a Sinfonia da Reforma. Composta em 1830, a peça comemora o tricentenário da Confissão de Augsburgo, um dos documentos centrais da Reforma Protestante.

Evento adiado
O concerto de Barella e Arakaki com a orquestra foi adiado. De acordo com o comunicado oficial divulgado no Facebook da orquestra, o cancelamento se deu devido a uma “diligência” no termo de parceria entre a Secretaria de Estado da Casa Civil (órgão que mantém a orquestra) e a empresa Idesa, que produz os concertos temporada 2014. Leia mais aqui.

[Veja mais no Roteiro Musical]

[Nota atualizada às 10h do dia 30/7/2014]

Clássicos Editorial Ltda. © 2014 - Todos os direitos reservados.
A reprodução de todo e qualquer conteúdo requer autorização, exceto trechos com link para a respectiva página.