Banner 468x60
Banner 180x60
Bom dia.
Quinta-Feira, 18 de Janeiro de 2018.
 
E-mail:  Senha:

 

 
Nome

E-mail


 
Saiba como anunciar na Revista e no Site CONCERTO.
   


Vitrine Musical 2016 - Clique aqui e veja detalhes dos anunciantes

 
 
 
Heliópolis na Alemanha (16/3/2010)
Por Irineu Franco Perpetuo

Nem só do extrovertido Gustavo Dudamel e de sua colorida Orquestra Sinfônica Jovem Simón Bolívar da Venezuela vive a música clássica latino-americana. Outras iniciativas de inclusão social pela música acontecem em nosso continente, e o resto do mundo está descobrindo isso rapidamente.

Uma delas é a Sinfônica Heliópolis, fruto da iniciativa do maestro Silvio Baccarelli, que, a partir de 1996, iniciou um programa de ensino de música a populações de baixa renda em São Paulo. Hoje, o Instituto Baccarelli conta com um corpo docente de primeiríssima linha e instalações que causam pasmo e assombro a todos que o visitam.

Quem mora em São Paulo já teve diversas chances de ver a Sinfônica Heliópolis, que chegou a tocar até com o pianista Arnaldo Cohen, fez várias apresentações na Sala São Paulo, etc. A novidade é que, agora, os meninos, chefiados pelo maestro Roberto Tibiriçá, terão a chance de mostrar seu talento na Alemanha.

A orquestra, por intermédio do Mozarteum Brasileiro, vai participar do Beethovenfest, o festival dedicado a Beethoven que a Deutsche Welle (a BBC alemã) promove anualmente em Bonn - capital da Alemanha Ocidental antes da unificação germânica, e cidade natal do autor de Fidelio.

Neste ano, o evento vai de 10 de setembro a 9 de outubro, e inclui, como de hábito, nomes de peso: os pianistas Hélène Grimaud e Andras Schiff, o violinista Daniel Hope, a violoncelista Sol Gabetta e os regentes Paavo Järvi, Kent Nagano e Sir Neville Marriner, entre outros.

O concerto da Sinfônica Heliópolis está agendado para 4 de outubro. A ideia inicial de Tibiriçá era ter como solista Nelson Freire, no Momoprecoce, de Villa-Lobos. Como ele não estava disponível, a solução foi convocar outra estrela internacional do teclado: a lusa Maria João Pires, para tocar o quarto concerto do compositor homenageado pelo festival.

O programa vai ter ainda a oitava sinfonia de Beethoven, e uma encomenda feita a um jovem compositor brasileiro: André Mehmari, que, traduzindo para o português o nome da orquestra, escreveu uma obra denominada Cidade do Sol.

A especialidade de Mehmari, como se sabe, são glosas, paráfrases e paródias de temas de outros compositores, e aqui ele não fugiu da regra: apaixonado pelo lied, ele foi buscar duas obras do gênero de Franz Schubert chamadas Aus Heliopolis (D. 753 e D. 754), ambas com textos (diferentes) de Johann Mayrhofer, e a partir delas estruturou sua composição:

Os versos da primeira ("Im kalten, rauhen Norden") parecem especialmente oportunos para a ocasião: o poeta diz que, lá no frio e áspero norte, ouviu falar que havia, no sul, uma Cidade do Sol, onde há alegria ("Wonne") e vida ("Leben"). Sol, alegria e vida é o que o ensino musical está representando para as crianças de Heliópolis, um exemplo no qual a única coisa a lamentar é que ainda constitua uma exceção e não seja a regra aqui em nosso país.





Irineu Franco Perpetuo - é jornalista, colaborador do jornal Folha de S. Paulo e correspondente no Brasil da revista Ópera Actual (Barcelona).

Mais Textos

A produção é boa, mas faltou mágica na “Flauta” do Municipal Por Nelson Rubens Kunze (23/12/2017)
Relativizações, realidades e transformações: um olhar sobre “A flauta mágica” do Theatro Municipal Por João Luiz Sampaio (23/12/2017)
O prazer de ouvir Neymar Dias – muito bachiano e muito brasileiro Por Irineu Franco Perpetuo (20/12/2017)
Uma temporada inclusiva, feita com inteligência Por João Marcos Coelho (19/12/2017)
Uma grande e despretensiosa sátira Por João Luiz Sampaio (8/12/2017)
A goleada da Argentina (e nem precisaram do Messi) Por Nelson Rubens Kunze (8/12/2017)
Museu virtual reúne milhares de instrumentos de coleções britânicas Por Camila Frésca (4/12/2017)
Karnal, a Osesp e o governador Por Nelson Rubens Kunze (24/11/2017)
Quem não trafega nas redes sociais se trumbica Por João Marcos Coelho (24/11/2017)
Budu e Hilsdorf: nasce um duo Por Irineu Franco Perpetuo (14/11/2017)
Três óperas Por Jorge Coli (7/11/2017)
Convocação de OSs para Emesp, Guri e Conservatório de Tatuí reforça torniquete financeiro do governo Por Nelson Rubens Kunze (3/11/2017)
Para onde nos levará a onda de censura no país? Por João Marcos Coelho (31/10/2017)
Os quartetos de cordas e a reavaliação da obra de Villa-Lobos Por Camila Frésca (30/10/2017)
O Brahms profundo e espontâneo de Nelson Freire Por Irineu Franco Perpetuo (25/10/2017)
Primeiras impressões sobre a temporada da Osesp Por João Marcos Coelho (29/9/2017)
“Tosca” tem montagem competente no Rio de Janeiro Por Nelson Rubens Kunze (28/9/2017)
Refinamento e inventividade em “Brazilian Landscapes” Por Camila Frésca (28/9/2017)
Um “Nabucco” problemático no Theatro Municipal de São Paulo Por João Luiz Sampaio (26/9/2017)
Na estreia com a Osesp, Leonardo Hilsdorf encanta a Sala São Paulo Por Irineu Franco Perpetuo (22/9/2017)
Festival de Ópera do Theatro da Paz faz bom “Don Giovanni” Por Nelson Rubens Kunze (19/9/2017)
Penderecki e Szymanowski: uma noite musical maior Por Jorge Coli (18/9/2017)
Novo fôlego para a ópera no RS Por Everton Cardoso (8/9/2017)
Wagner de boa qualidade, mas sem lirismo e vigor dramático Por Jorge Coli (4/9/2017)
Finalmente Dudamel “suja” mãos e batuta com a “política” Por João Marcos Coelho (24/8/2017)
Dobradinha “Pulcinella & Arlecchino” tem boa realização no Theatro São Pedro Por Nelson Rubens Kunze (23/8/2017)
 
Ver todos os textos anteriores
 
<< voltar

 


< Mês Anterior Janeiro 2018 Próximo Mês >
D S T Q Q S S
31 1 2 3 4 5 6
7 8 9 10 11 12 13
14 15 16 17 18 19 20
21 22 23 24 25 26 27
28 29 30 31 1 2 3
 

 
São Paulo:

18/1/2018 - Espetáculo O compositor delirante

Rio de Janeiro:
24/1/2018 - José Carlos Vasconcellos - piano

Outras Cidades:
27/1/2018 - Ilhabela, SP - Balés O lago dos cines, de Tchaikovsky e Melhor único dia (estreia), de Henrique Rodovalho
 




Clássicos Editorial Ltda. © 2018 - Todos os direitos reservados.

Rua João Álvares Soares, 1404
CEP 04609-003 – São Paulo, SP
Tel. (11) 3539-0045 – Fax (11) 3539-0046